SHOW KISS E SURF NOVEMBRO 2012

O final de ano em termos de shows internacionais prometia na capital dos gaúchos. Depois de uma sessão de surf alguns meses atrás no Rosa ficou combinado entre os amigos gaúchos e catarinenses que estaríamos todos presentes no show do KISS. No meio das datas do show havia dois feriados, razão pela qual o surf seria alvo da matéria.Se fazia necessário toda uma logística entre acomodações , passagens aéreas e ingressos para todos.

O primeiro feriado foi marcado por uma previsão negativa de ondas , que ao final não se concretizou pois rolaram dois dias fantásticos na praia da Vila.

 

O KISS representa o “glamor” das bandas rock da década de 70 que se perpetua até os dias de hoje .A maquiagem esta pesada para disfarçar as rugas, os enormes saltos se alargam para aumentar a estabilidade  e as roupas de couro se esticaram.No entanto, sobrevive firme e forte porque a identidade visual característica sempre foi acessório, por certo vitorioso e explosivo ao que realmente é o maior motor criativo da banda: o rock’n roll pegajoso tocado em volume máximo para acelerar os prazeres da música.

Os ingresso foram adquiridos com antecedência  e os preparativos da mesma forma . A comitiva do Paipo era composta de amigos residentes em Florianópolis e gaúchos da capital, velhos amigos que se encontrariam para mais uma celebração do rock.

telão ao fundo

O show estava previsto para as 21 horas. Parte de amigos surfistas vindo de Floripa estavam com passagem aérea marcada para as 17 horas , horário razoável para a chegada com antecedência . Para espanto geral ocorreram problemas técnicos no avião no aeroporto catarinense e a chegado só de deu depois das 21:40 .Me encontrava conformado nesse horário, sabia que até a chegado ao local do show teria a chance de presenciar poucos minutos do espetáculo.

 

galera sem ingresso tentando ver o show pela porta da ambulância.

Fiquei surpreso que na chegada ao ginásio, pois  não havia começado . Foi apurado que a banda vinha de um show na noite anterior no Paraguai e a Receita Federal tinha retido parte do equipamento e o palco estava ainda sendo montado. Para o público foi desagradável , mas para mim foi a oportunidade de poder assistir todo o show.

O KISS está na estrada não apenas ancorado no passado glorioso, mas traz na bagagem a turnê o disco novo “Monster” , melhor trabalho do grupo em anos, no qual retomou a sonoridade crua e pesada dos anos 70. A banda é ainda melhor no palco do que em disco, sempre acompanhado de recursos técnicos.

O show começa as 23:45 .O set list foi o seguinte :

 

DETROIT ROCK CITY

SHOUT IT LOUD

HELL OR HALLEILUJAH

HOTTER THAN HELL

ALL FOR THE LOVE OF ROCK

I LOVE IT LOUD

OUTTA THIS WORLD

WAR MACHINE

LONG WAY DOWN

GOD OF THUNDER

PSYCHO  CIRCUS

LOVE GUN

CALLING DR. LOVE

BLACK DIAMOND

LICK IT UP

I WAS FOR LOVIN’YOU

ROCK AND ROLL ALL NITE

 

O guitarrista Paul Stanley  fazia o elo de ligação entre a banda e o público, sempre carismático pedia desculpas por não dominar o português. Gene Simmons fazia o lado satânico e gutural da banda . O baterista se mostrou muito competente em vários solos. Mesmo tendo sido o palco montado as pressas , se mostrou, como sempre nos shows da banda  , excelente , com vídeos ao fundo , que nunca se repetiram, muitas explosões, fogos e palco retrátil. A galera de Floripa ficou assistindo o show na porta de entrada das  cadeiras , sem sentar , ao lado do bar , consumindo ininterruptamente grande quantidade de cerveja. Foi um show de rock pesado de alto nível como no anterior que assisti no “Jockey” no ano de 1999.

O Biss foi composto das 3 últimas músicas do set list, tendo apoteose com papel picado na última música e muitos tiros. O público tinha varias gerações presentes e o público feminino era de primeiro nível.

 

Após o show os gaúchos foram para Santa Catarina atrás do swell de boas ondas e a galera de Floripa ficou na capital dos gaúchos para um pró –night de luxo.

 

Dia épico.

Cheguei as 7 da manha em Imbituba, tendo saído direto do show para o surf.Foram mais cinco dias de surf onde o Rosa Sul foi destaque.Ao contrário do feriado anterior a previsão era boa de ondas e se concretizou, tendo o mar baixado apenas nos últimos 2 dias , mas rolaram 3 dias excelentes.

 

Essa foi mais uma matéria que narrou o dia a dia de um surfista apaixonado pelo rock.Até a próxima,Mauro.

Esta entrada foi publicada em Uncategorized. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Uma resposta para SHOW KISS E SURF NOVEMBRO 2012

  1. 9.2 disse:

    Como ligaron con las olas Mauro!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *